A geração Y tem sido assunto de matérias sobre comportamento, marketing, tecnologia e moda. Se você faz parte dela,como eu,  não precisa muito de legendas ou subtítulos. Tudo que as matérias tentam retratar é o seu estilo de vida, o seu jeito de pensar e se relacionar com o mundo. Resumindo, tudo o que para você é normal e corriqueiro, as pequenas coisas do dia a dia (desde o seu twitter matinal até a foto do look que você postou no blog) viraram alvo de pesquisa. Dá para entender: para quem é de gerações anteriores é muito difícil entender o pensamento não-linear, a vontade de expor idéias para o mundo, a familiaridade com novas tecnologias e a maneira de compartilhar interesses pela rede.

Esse vídeo abaixo, da Box124, retrata muito bom o que a geração Y é e representa. É claro que ele já se espalhou pelo face e twitter.

Vale lembrar que quando chega-se ao ponto de conseguir uma análise de uma geração, é sinal de que outra – a Z – está amadurecendo e já já começará a ser analisada.