A primeira vez que vi uma imagem da Campbell’s Soup Cans, do Warhol, fiquei extremamente intrigada. Mesmo sem entender o que dizia e onde queria chegar, me peguei fascinada, curiosa e plasticamente seduzida. Rapidamente entendi que não tinha como apressar a conclusão do que aquilo tudo representava. Então, me deixei levar e o percurso, por si só, foi extremamente interessante. O melhor entendimento veio com o tempo. E, anos depois, quando dei de cara com as sopas Campbell em NY… bah…


Hoje, fui conferir a expo Warhol TV, no Oi Futuro. E, mais uma vez, o”bah” aconteceu: os 15 minutos de fama. A imagem, a estética como ferramenta de marketing – e motor de celebridades – de maneira avassaladora. Moda, arte, música, foto, música, filme tudo isso junto sendo gerado por diferentes pessoas em um mesmo espaço de criação. O uso livre, exaltado e crítico do popular.

"Quero morrer de jeans" vai virar meu bordão


Nos telões, imagens de programa produzidos por ele, como o Andy Warhol’s TV, Andy Warhol’s Fifteen Minutes e a série Fashion, com 10 episódios sobre moda. Pode-se ver entrevistas curtas e cruas (como hipertextos), com nomes como Spielberg, Debbie Harry, Jerry Hall, Brooke Shields, Marc Jacobs, Zappa, Diana Vreeland, Liza Minelli. Há também vídeos com filmes experimentais (pena que não havia fone para estes) e um deles, segundo li, era todo em silêncio e, quando aparecia a propaganda, aí, sim, entrava o som. Muito bom.

Cada vez que vejo um trabalho dele, me pego tendo uma nova visão, um outro comparativo. A gente muda e, com isso, a percepção da obra também muda. Pretendo rever. Quem sabe descubro algo novo?

WARHOL TV
Quando:
De 2 de fevereiro a 3 de abril – de terça a domingo, das 11h às 20h
Onde:
Oi Futuro Flamengo – R. Dois de Dezembro, 63 – Flamengo – Rio de Janeiro/RJ
Quanto:
Entrada gratuita
Infos:
(21) 3131-3060