A valorização do real tem ganhado cada vez mais espaço. Pelo menos aqui comigo. Desde que a Dove começou a fazer a campanha da Real Beleza, tenho sentido esse movimento em um crescente – ainda que muito tímido em relação ao que vemos na maioria dos outdoors.

Um pouco disso a gente vê na força dos blogs. Justamente porque não são necessariamente anúncios ou jornalistas tentando nos convencer de algo. E sim, pessoas normais. Poderia ser eu, poderia ser você. Mas, vale dizer que eu acredito nos blogs de gente como a gente – e isso vale para os que falam de moda, categoria que não é e nem tem que ser inatingível – como o Hoje vou assim OFF.

Conheci a Ana e, nas nossas conversas, deu pra entender que ela queria era postar despretensiosamente o que acreditava e o que realmente usava, de maneira divertida e, tenho certeza de que, porque é de verdade, o HVAO é só sucesso…

Ana não pira nos looks, mas está sempre com looks incríveis (e, como o nome do blog já insinua, compostos de achados!)

E, já que estamos falando do que vemos no dia a dia, por quê não boas doses de plus size? Não adianta (se) esconder, nem se apertar, porque é… a realidade! Além da Vogue Curvy e da linha online da Asos dedicada a manequins maiores – a Asos Curve, blogs como o da The Big Beauty estão aí para fazer todo mundo pensar onde começou essa história de somente se valorizar um tipo físico e esconder outros…

A sempre estilosa Stéphanie Zwicky

Na linha lindamente real, fiquei in love com o projeto Todo dia tanta beleza, da fotógrafa Sharon Eve Smith. Ela mesmo explica o objetivo:

Todo dia tanta beleza (TDTB) é a sessão fotográfica pra registrar o amor que é a base de todos os outros: o amor próprio. Funciona assim: você dispara um olhar, faz uma brincadeira, solta o riso, transforma em gargalhada. Eu vejo com os olhos, sinto com o coração e um impulso invisível faz meu dedo escorregar e bater uma foto. Você se entrega e eu tento por num só frame um pedacinho único seu. Espero que essa moda cole. Tá duvidando? Fala comigo que eu te ajudo a ver a (sua) beleza de todo dia.”

Simples assim:

A amiga Fafi Vasconcellos, através de quem conheci o trabalho da Sharon

Na TV, tem a invasão de séries que simulam filmagem amadora e trazem assuntos constrangedoramente normais, como The Office  – onde o protagonista é o chefe “vergonha alheia” – e Girls, que tem sido comparada a uma prima realista e sem glamour de Sex & the City.

Hanna, a melhor personagem, comendo seu sanduíche enrolado no papel laminado

O mais chocante é a gente perceber que uma comunicação que traz imagens e textos realmente próximos da gente é uma porrada.

Bom, e você? Tem dito a verdade, somente a verdade, nada mais que a verdade?